domingo, 10 de janeiro de 2010

"AI, QUEM ME DERA...."


"Ai quem me dera, terminasse a espera
E retornasse o canto simples e sem fim...
E ouvindo o canto se chorasse tanto
Que do mundo o pranto se estancasse enfim

Ai quem me dera percorrer estrelas
Ter nascido anjo e ver brotar a flor
Ai quem me dera uma manhã feliz
Ai quem me dera uma estação de amor

Ah! Se as pessoas se tornassem boas
E cantassem loas e tivessem paz
E pelas ruas se abraçassem nuas
E duas a duas fossem ser casais

Ai ,quem me dera ao som de madrigais
Ver todo mundo para sempre afins
E a liberdade nunca ser demais
E não haver mais solidão ruim

Ai, quem me dera ouvir o nunca mais
Dizer que a vida vai ser sempre assim
E finda a espera ouvir na primavera
Alguem chamar por mim..."

( Vinícius de Morais)

5 comentários:

Carlos Albuquerque disse...

Nereida,
O Domingo começou bem com a leitura proposta do meu querido Vinícius, um dos maiores poetas de língua portuguesa!
Obrigado pela partilha.
BJS

Carlos Albuquerque disse...

Nereida,
O Domingo começou bem com a leitura proposta do meu querido Vinícius, um dos maiores poetas de língua portuguesa!
Obrigado pela partilha.
BJS

Luma D. disse...


Oi, Nereida.
Passei para desejar uma excelente semana, repleta de paz e alegria.

Beijos

Artur Ricardo - Historiador disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Artur Ricardo - Historiador disse...

Oi, Nereida.
Foi uma realidade encontrar seu blog lindo e bem dinâmico. parabéns!
Tê-la como amiga é maravilhoso.
Feliz 2010!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails