sexta-feira, 23 de outubro de 2009

TRADUZIR-SE

Uma parte de mim
é todo mundo
outra parte é ninguém:
fundo sem fundo.

Uma parte de mim
é multidão
outra parte estranheza           

e solidão.

Uma parte de mim
pesa, pondera
outra parte
delira.

Uma parte de mim
almoça e janta
outra parte
se espanta.

Uma parte de mim
é permanente
outra parte
se sabe de repente.

Uma parte de mim
é só vertigem
outra parte,
linguagem.

Traduzir uma parte
na outra parte
- que é uma questão
de vida ou morte -
será arte?


( Ferreira Gullar)

9 comentários:

Irene Moreira disse...

Nereida obrigado pelo carinho de suas palavras e pelas visitas aos meus cantinhos. Lendo e relendo traduzo que me vejo em cada parte deste poema e me questiono será arte?... Questionar se será vida ou morte não aceito, pois se pensamos então é vida... será que isto É errado ou certo? Bjs e bom final de domingo

disse...

Oi minha linda, até que vc é bem assídua... Obrigada pela visitinha amorosa... Desejo um fds lindo echeinho de pazzz
Bjssssss

Vivian Pereira disse...

Nereida!!! td bem??

Que poema maravilhoso!!! lendo e relendo me encaixei perfeitamente com ele... é muito difícil conseguirmos achar uma tradução para gente, para nossos sentimentos, nossas angústias, enfim... infelizmente não nascemos com um dicionário para nos ajudar...hehehehe...

Adorei a foto que colocou, parece a capa do livro " A menina que roubava livros"...

Obrigada pela visita no meu blog e seja sempre bem vinda!!!!

Já virei sua seguidora e coloquei seu link lá no meu cantinho...

Grande beijo e ótimo domingo!!

Tathy disse...

Oi Nereida
Agradeço o carinho de sua visita. Adorei seu blog e venho sempre por aqui.
Como é sempre gostoso receber comentários, resolvi deixar mais um: Parabéns pela riquíssima seleção de postagens!

Grandes beijos e muita paz para você.

Adolfo Payés disse...

Tienes un blog precioso.. es un gusto pasar por tu espacio y disfrutarlo.. te sigo para poder visitarte con mas continuidad..

Un abrazo
Saludos fraternos..

Suerte en esta semana que inicia...

Irene Moreira disse...

Olá Nereida! Vim aqui para te desejar uma boa semana e também para dizer que tem na Postagem do dia 22 da Vitrine de Sonhos o prêmio "Eu fui indicada para o selo MEME" para você é só pegar. Beijos

Luma D. disse...

Oi, Nereida.
Gostei de ler um pouquinho sobre Ferreira Gullar... Gosto muito de suas poesias. Esta que você postou e
"Aprendizado" são minhas favoritas.

Beijos, linda semana.

Silvana Nunes .'. disse...

Muito obrigada pela visita e por suas palavras tão carinhosas. Escrevo com amor, pois amo o Brasil e seu povo e toda noss cultura, mesmo diante de tantas dificuldades.
Volte outras vezes, FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... terá sempre uma história para contar.
Saudações Florestais !
Silvana Nunes.'.

Silvana Nunes .'. disse...

uito obrigada por sua gentileza.
Beijo grande.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails